O CANAL DE NOTÍCIAS DO PORTAL CATALÃO
www.catalaonoticias.com.br
categorias
    • ENQUETE
      Você é a favor ou contra a flexibilização do isolamento social?
      Selecione uma opção abaixo.
      Eu sou contra
      Eu sou a favor
  • 11 de Jan / 2012 - Cidade
    Tragédias no trânsito de Catalão: vão se repetir ou é possível evitar?
    Email recebido de Roberto Ferreira Tavares, morador do Bairro Santa Terezinha

    Quando acontece um acidente como o ocorrido na manhã de hoje (10/01/2012) é natural que a população fique perplexa e horrorizada. Mais ainda quando a violência do impacto é tamanha para arrastar cerca de dez veículos e culminar em vários feridos e na trágica morte de uma jovem que voltava do trabalho em seu horário de almoço.

    A comoção geral sempre é grande e começam a surgir soluções de todos os lados, desde mudanças no sentido da via até a total proibição do trânsito de caminhões no centro da cidade. Surgem também vários culpados, seja diretamente (o motorista do caminhão) até os indiretos (Prefeitura, SMTC, chuva), mas a verdade é que acidentes, como o próprio significado da palavra diz, não podem ser previstos ou evitados, justamente por serem eventos inesperados que ocorrem por uma série de fatores, nunca só por uma ou outra causa. O que resta é nos solidarizarmos em luto com a família da moça que perdeu a vida e nos sensibilizarmos com os demais cidadãos feridos ou prejudicados pelo acidente, mas o mais importante é aprendermos com o ocorrido para evitar que se repita, mesmo que o acidente de hoje seja uma repetição de outro parecido já ocorrido no mesmo local, que só não está fresco em nossa memória porque não houve vítima fatal.

    Mas se acidentes não podem ser evitados não a nada a ser feito? Estamos todos nós destinados a rever essa violência novamente? A resposta é não. Se não é possível evitar completamente que um evento tão trágico ocorra de novo é possível sim diminuir os fatores que o levam a acontecer. Primeiro é preciso sinalização adequada, seguida por fiscalização firme. A sinalização já existe no local, mas é tímida e se resume a apenas uma placa de regulamentação, podendo ser complementada por placas de aviso. A fiscalização tem que ser mais ostensiva sim, mas não podemos culpar os agentes de trânsito por não abordarem o caminhão antes que transitasse pela Rua Wagner Estelita Campos. O efetivo de servidores é pequeno para o tamanho da cidade e a quantidade de veículos em nossas vias, mas se não existe pessoal suficiente é possível usar a tecnologia para ajudar a fiscalização e temos em Catalão um moderno sistema de câmeras de monitoração, que fica restrito à Avenida 20 de agosto, e que poderia ser mais bem distribuído por vários pontos da cidade, em especial aqueles com maior trânsito de veículos pesados, que poderiam ser abordados antes de adentrar no centro da cidade.

    Não sou uma pessoa pessimista, muito pelo contrário, acredito que uma tragédia como essa sempre deixa uma lição para aprendizado, mas infelizmente acho que ainda vamos presenciar muitos outros acidentes parecidos. Primeiro porque trânsito não é prioridade para nenhum gestor municipal e desde sempre é tratado em nossa cidade sem planejamento, através da tática de acudir o que é urgente. Quando atitudes são tomadas o aspecto que é levado em conta é sempre o midiático (área azul no centro da cidade com parquímetros europeus), ficando para depois os aspectos de circulação de veículos e pedestres, sinalização e prevenção de acidentes. E segundo: mais grave que a inércia do município é uma cultura que existe em nossa cidade de que fiscalização de trânsito tem que existir sim, mas multa não.

    Quantas vezes já ouvimos, vimos ou mesmo praticamos o ato de ser autuado e recorrer ao político camarada para retirar a autuação recebida? Essa prática, além de ser corrupção, leva ao descrédito de toda e qualquer fiscalização de trânsito, pois se o infrator não sente no bolso o efeito de sua falta de respeito pelas regras do trânsito também o agente não se sente estimulado a agir, gerando uma reação em cadeia que transforma o trânsito em um caos absoluto. Pode parecer exagero, mas imaginemos que o motorista do caminhão causador do acidente já foi autuado anteriormente por transitar em local proibido, recorreu ao político camarada e teve sua multa retirada, daí se sentiu seguro em transitar novamente no local, o agente viu, mas não agiu, pois a multa seria novamente retirada, o caminhão transitou novamente, perdeu o freio, bateu em vários veículos e terminou por matar uma moça, que é um membro de nossa família. Pensemos nisso quando formos autuados novamente e o primeiro impulso for procurar o político camarada. Lembremos que nossos atos, por menores que sejam, tem consequências, às vezes fatais.


    Email recebido de Roberto Ferreira Tavares, morador do Bairro Santa Terezinha, Catalão-GO.

     


    12
    Comentarios
    Daniel
    Roberto realmente não á niguem culpado nesta situação, agora sobre a fiscalização mais rigida discordo de voçê, voçê fala que o efetivo de agentes são pouco pela quantidade de veiculos na cidade, certo, precisa se de mais agentes, agora voçê ja passou no semafaro da vinte de agosto enfrente a caixa economica, precisa de ficar quatro agentes de transito no mesmo lugar um olhando para o outro parecendo até a policia tatica GPT. Isso eu não concordo deveria ter uma distribuição melhor desse pessoal e para que ficar em grupos, sera que são uns monte de bosta que tem medo de aplicar multa sozinho, eu acho que sim ate para aplicar multas sempre estão em duplas. Agora basta essa SMTC ter pessoas de responsabilidade e fazer uma divisão desse pessoal nas principais avenidas movimentadas da cidade, não adianta ficar um olhando para o outro e em certos lugares os motoristas estão fazendo o que quer com a cidade. Sabemos tambem que na cidade a muitos condutores que não respeitam a sinalização, mas e preciso agir e tomar as providencias cabiveis, ou se não varios acidentes fatais irão acontecer.
    Tirso Peres Neto
    Esse problema do trânsito é crônico em todo Brasil pela falta de conciência entre as pessoas, uma série de combinações influenciam como por exemplo: Bebida e direção ou pressa e mau humor. Esse mundo atual nos impulciona para fazermos tudo com pressa. Nunca temos tempo para a espiritualidade, independente da religião, estamos nos tornando escravos do consumismo e da falta de educação, em todos os sentidos da vida.
    Roberto Ferreira Tavares
    Reitero o que disse: acidentes são sim eventos que não podem ser previstos ou evitados, pois justamente são eventos inesperados, mas podemos sim prevenir para diminuir ao máximo a ocorrência dos mesmos. O acidente ocorrido teve como fator principal justamento o imprevisto, ou será que o motorista transitava desde a origem sabendo que o freio estava defeituoso, assumindo o risco de matar e morrer? É claro que não. Foi uma fatalidade e digo que voltará a ocorrer simplesmente porque nossa memória é curta e nossas práticas enquanto motoristas e cidadãos não mudam. Salientei o fato de todo mundo vez ou outra se indignar com uma autuação de trânsito e recorrer ao político camarada porque acho esse exemplo o pior de todos (envolve corrupção ativa e passiva e tira o poder da polícia e dos agentes de trânsito), mas existem muitos outros (falar ao celular dirigindo, fumar, estacionar em local proibido...) e isso é cultural, de toda uma sociedade brasileira não só catalana. Por isso, nos resta sim somente solidariedade para com as famílias que foram atingidas porque nossas práticas não mudam. Mas se mudassem... aí sim, não só o trânsito, mas toda a sociedade seria muito melhor.
    Sandro
    Amigos, não acredito que os acidentes,sejam eles de qualquer natureza, não possam ser evitados. Acidentes não são "fatalidades", tem uma causa e podem sim serem evitados. A violência no trânsito é algo que vem nos ameaçando diariamente e podemos citar alguns fatores que contribuem para estas ocorrências,podendo ser: 1 - Falta de educação no trânsito: Nossos motoristas não educados no trânsito,cada um se achando dono da rua e não praticando uma direção segura. Falta campanhas e treinamentos de reciclagem aos motoristas infratores; 2 - Manutenção em veículos: os veículos que trafegam por nossas ruas muitas vezes não passam por manutenção preventiva e as vezes nem corretiva. São os freios,a suspensão,a direção tantos outros itens que são vitais a nossa segurança; 3 - Polícia qualificada e valorizada: Nossos policiais muitas vezes não estão preparados para cuidar das questões do trânsito,subjulgando situações de risco,fazendo vistas grossas a infrações e,principalmente,se corronpendo. diante deste poucos itens citados posso crer que os acidentes podem ser evitados sim. Através da educação,da fiscalização,da consciência dos motoristas e pedestres,da manutenção dos veículos. Neste acidente que a pouco comoveu nossa catalão,a causa direta,me parece uma falhas no sistema de freios. Falha que poderia ser evita através de manutenção corretiva. A segurança no transito depende de cada parte do sistema. Cabe a nós motoritas fazer nossa parte e parar de ficar colocando a culpa no politico corrupto ou outro motivo qualquer.O motorista quando procura tal político também se corrompe e alimenta a corrupção. Devemos nos lembrar que o político corrupto antes de ser corrupto era um cidadão corrupto. Não podemos ser cidadãos corruptos. Não podemos apenas nos solidarizar coma família da vítima,porque amanhã a sociedade poderá estar sendo solidária com nos mesmos. Por este motivos Sr. Roberto acho que deveremos fazer nossa parte,e não apenas sere ser solidários. Solidariedade apenas não resolve o problema. Grande abraço! Sandro Silva
    Heloisa
    Roberto, a corrupção no trânsito me incomoda mais que a imprudência. Até mesmo porque uma é consequência da outra. Em Catalão há uma cultura de não se parar antes da faixa para os pedestres e quando pára e para estacionar nas faixas de pedestres, inclusive "em frente a escolas" e nada é feito para inibir esta prática. As pessoas param em fila dupla em qualquer rua da cidade, entram nas ruas sem olhar e tantas outras coisas que incomodam. E isso acontece pela certeza da impunidade. Moro há dois anos em Catalão, vim de uma cidade grande e me choco com as tragédias de trânsito que envolvem a nossa população. A cada nova notícia tenho medo de ter perdido um amigo. Vamos pensar o trânsito!
    Heloisa
    Roberto, a corrupção no trânsito me incomoda mais que a imprudência. Até mesmo porque uma é consequência da outra. Em Catalão há uma cultura de não se parar antes da faixa para os pedestres e quando pára e para estacionar nas faixas de pedestres, inclusive "em frente a escolas" e nada é feito para inibir esta prática. As pessoas param em fila dupla em qualquer rua da cidade, entram nas ruas sem olhar e tantas outras coisas que incomodam. E isso acontece pela certeza da impunidade. Moro há dois anos em Catalão, vim de uma cidade grande e me choco com as tragédias de trânsito que envolvem a nossa população. A cada nova notícia tenho medo de ter perdido um amigo. Vamos pensar o trânsito!
    JADE
    O TRANSITO DA CIDADE ESTA MAL ORGANIZADO, SEM REFRENCIA DE ENGEHNARIA E SEM FISCALIZAÇAO, OS GUARDINHAS DE AMARELO ESTAO O DIA TODO DE BRAÇOS CRUZADOS NA AV 20 DE AGOSTO, SERA PORQUE??????? fOI UM ACIDENTE E ACIDENTES NAO INESPERADOS, MAS NEM POR ISSO DEIXAM DE SER EVITADOS!!! SOLIDARIEDADE A FAMILIA E MUITA ORAÇAO. ESPERAMOS QUE A PREFEITURA ORGANIZE O TRANSITO E ORGANIZE A CIDADE.
    Eduardo Ferreira
    Prezados Leitores Diante de tal fato acontecido. Gostaria aqui primeiramente de expressar meus sentimentos à família da vítima deste acidente. E em segundo plano, complementar o que nosso colega Roberto Ferreira expressou. Acidente é algo que NÃO SE PODE PREVER. Simplesmente acontece. Assim, como aconteceu com o motorista daquele caminhão, poderia acontecer com qualquer motorista. Perder o freio na avenida Jk, lá em cima, praticamente perto do Posto Joia, arriscar a fazer uma curva próximo à um posto logo abaixo para a esquerda seria pedir pra suicidar e explodir um caminhão inteiro de combustivel. Lembrando que se acontecesse, estaria próximo à um POSTO DE COMBUSTIVEL. Assim, a mídia tem divulgado junto à SMTC que o motorista do caminhão trafegava em via proibida, e assim eu te pergunto: "Você está em seu carro numa descida sem freio, e vê duas alternativas: a primeira vc morre e mata várias pessoas na hora ou a segunda, vc adia este processo na esperança de chegar á algum lugar sem ferir a si e aos outros?" Creio que diante de tal escolha, seu carro não pararia para escolher qual alternativa. E, aproveitando, a cidade de Catalão em questão de trânsito é ruim mesmo. Tirando rotas de veiculos pesados ou não do centro, continua um caos. Isso não é por quê o transito é mal organizado, mas os próprios motoristas não terem conscientização. Como DONAS de lojas pararem em meio a 20 de agosto para esperar as funcionarias trazerem aquelas sacolas até elas. Faça mil favores né? O motorista em si, procurou uma solução, que não deu certo. Portanto, se tem que tirar veiculos pesados daquela rua, tem que tirar os ônibus também, os carros também, as motos também, as bicicletas também... Acidentes sempre vai ter, só não sabemos, quando, onde, como e quem estará envolvidos!! PENSEM NISTO.
    Paulo
    É uma pena, que o ocorrido tenha feito uma vitima fatal. Bens materiais, são substituiveis. A vida, não! Assim como ja ocorreram outros acidentes e incidentes no mesmo local, é necessário que haja um plano corretivo, o mais rápido possivel, para evitar novas tragédias!
    Joao
    Dizer em questao de multas e recorrer a politicos é desculpa, ou seja um passe livre de culpa, o que precisamos é anel viario, e deduzir o que puder de caminhoes transitando em nossa cidade. Dito.
    Thiago Ferreira
    Muito bem falado, apoiado!
    Wander Julio Pedro da Silva
    Roberto voce esta de parabéns pelas palavras descritas na matéria... Espero que depois desta tragédia com fatalidade e com vitimas esperamos mais de fiscalização.... Poderia ter sido um acidente muito mais grave, ainda bem que não houve nehum principio de incêndio nada disso ocorreu mas os corpo de bombeiros ja estava preparados para o pior se acontecesse. Vamos prestar atenção vamos dirigir com cuidado, o índice aqui em catalão em acidente pequenos vem aumentando de uma certa forma que um pouco tambem e por emprudencia ou falta de atenção... Quantas vezes vemos na rua quando sairmos pessoas dirigindo bebendo, falando ao celular, mexendo com outras coisas no carro mas a atenção no transito esta totalmente desviada, e onde que onde acontece as coisas.... Vamos dar manutenção em nosso veiculos verificação total do veiculo, vamos dar amor a nossa vida, vamos valorizar a nós mesmo e ao proximo, assim tenho certeza que iremos mudar essa historia vamos parar, pensar, refletir e agir pois se fazermos isto tenho certeza que tudo sera diferente... Infelismente houve 01 vitima fatal, e varias pessoas machucadas e foras dos danos materiais... Necessitamos urgentemente aqui em catalão de um ánelviario para que pelo menos 10% do transito de catalão de descarregar pois temos muitos caminhões, bitrem etc... Tem que acabar com isso o mais rapido possivel antes que aconteça outra coisa muito mais pior...
PORTAL CATALÃO INTERNET SERVICE LTDA
20 de Agosto, 1882, sala 1 e 2, Centro - Catalão - GO
(64) 3411-0748
e-mails
SUBIR PÁGINA